Se não fosse...


Se não fosse a vida e as primaveras
o que seria de mim,
complexamente simples,
absurdamente complexa ?
Se não fossem as paixões,
meus sonhos seriam reais
seriam tristes e duros.
Se não fosse de luz
o que seria de meus olhos,
escuros e sombrios
inexistentes na escuridão.
Se não fosse o alguém
o que seria de meus versos
tão breves e solitários
tentando encontrar o caminho.
Se não fosse eu
o que seria de mim ?



...volta ao Caos