Olhei em seus olhos...


Olhei em seus olhos e tive medo
do que eles poderiam me dizer.
Tive medo de ouvir um sim
e perceber que não consigo
viver à margem das minhas emoções.
Não posso viver metades.
O que sinto,
sinto por inteiro,
intensamente,
eternamente guardado dentro de mim.
Calei, então minhas dúvidas,
bebendo em sua boca
o sabor do desejo,
sentido sua pele, seu cheiro, seu calor.
Não sou dona dos meus limites
e talvez não os conheça.
Só quero me permitir
o direito de sentir
e querer sempre mais.




...volta ao Caos